1. Capa
  2. /
  3. Meu negócio
  4. /
  5. 15 de março: Dicas...
Por: 
interactive monkey 

15 de março: Dicas para vender mais no Dia do Consumidor

Publicado em 23/03/2021

 

A chamada Black Friday do primeiro semestre é um estímulo para o comércio. Confira algumas ideias para impulsionar as vendas

Uma pesquisa feita pela All iN e Social Miner em parceria com a Opinion Box revelou como deve ser o comportamento de consumo dos brasileiros nesta segunda-feira (15/3), que é o Dia do Consumidor, e durante a semana com as promoções criadas pelas empresas. Dos pesquisados, 32% afirmaram que pretendem aproveitar as ofertas do dia do consumidor; 44% ainda estão indecisos, e 24% não devem engajar com o evento. Cerca de 25% devem comprar na semana do evento e 13% só no dia do consumidor mesmo.

Em 2020, o faturamento dos e-commerces na data bateu R$ 3,62 bilhões, sendo que 47% dos que compraram online em 2020 eram novos consumidores.

“O comércio eletrônico tem se tornado uma boa opção de negócio para muitos empreendedores e talvez a única solução para pontos físicos continuarem existindo. Estar em múltiplos canais se tornou uma importante estratégia de vendas e por isso é preciso ficar ainda mais atento com a gestão do negócio”, comenta Sidney Zynger, sócio do Bling, startup que oferece sistema de gestão empresarial para microempresas, empresas de pequeno porte e microempreendedores individuais (MEI).

Portanto, fique atento às dicas que algumas empresas mandaram para o Portal Empreendedor e alavanque os negócios nesta semana:

 

Programe o lançamento de produtos exclusivos 

Que tal testar um novo produto ou serviço? Esse pode ser o momento ideal para lançar as últimas novidades do seu comércio. Aproveite para dividir a novidade com exclusividade com os clientes mais fiéis. Produtos de edição limitada são uma ótima maneira de gerar interesse nos consumidores e alavancar as vendas. Criar um programa de fidelidade pode ser outra ótima saída, com a oferta de novos produtos ou brindes para os clientes mais fiéis.

Programe promoções e ofereça brindes

Aproveite o período para movimentar as peças paradas no estoque. Ofereça descontos, monte kits de vendas ou mesmo presenteie os clientes com um brinde. Essas ações são relevantes para chamar a atenção de novos compradores, além de ser uma boa saída para evitar que algum produto fique muito tempo parado no estoque. Um bom sistema de controle de estoque pode ser a melhor solução. A Zettle, por exemplo, possui um sistema de gestão que oferece uma galeria de produtos, o que auxilia no controle do estoque com imagens, criação de descontos para itens específicos (ou para todos os produtos) e organização por categorias.

Ofereça um cartão de crédito 

Um cartão private label é a melhor maneira de oferecer crédito para seus clientes. Não é apenas um meio de pagamento, uma vez que aumenta as vantagens competitivas do seu negócio, fazendo com que ele se diferencie e se destaque em meio à concorrência. Ao saber que seu negócio possui o private label, o cliente associa a informação imediata de que é seguro comprar na sua loja, que ela é forte o suficiente para disponibilizar o próprio cartão. A FortBrasil oferece o CredFácil , que é uma opção para negócios de pequeno e médio porte. Com ele é possível liberar crédito ao seu cliente de forma 100% digital, simples, sem burocracia e sem gerar risco ao empreendedor.

Conheça os direitos dos consumidores

Como a própria data já diz, o Dia do Consumidor é o momento de reforçar os direitos e normas direcionadas a eles. É indispensável que o Código de Defesa do Consumidor seja leitura obrigatória para todos de sua empresa e colocado em prática todos os dias. Outro ponto de atenção é estar alinhado com parceiros e fornecedores, para que todos tenham o mesmo propósito, seja com os prazos de entregas ou mesmo com as condições de promoções e condições do produto ofertado.

 Colete informações em tempo real

Uma das grandes dificuldades encontradas por quem vende em diversos canais, é o fato de ter que entrar em várias plataformas de gestão. Para quem está começando a vender no mundo virtual, uma dica para conseguir análises distintas, de diferentes plataformas, é apostar em ferramentas de gestão. Elas unificam todas as informações da loja, ajudando a organizar o fluxo de caixa, emissão de notas e até o gerenciamento da logística.

Controle o estoque de forma automatizada

A principal premissa do comércio eletrônico é garantir que o que foi vendido será entregue de forma rápida e dentro do prazo. Ao controlar de forma unificada o estoque em múltiplos canais de venda, você evita que o mesmo produto seja vendido ao mesmo tempo em sua loja virtual e no marketplace, por exemplo, garantindo melhor atendimento ao cliente, sem furos de estoque nem demora na entrega dos pedidos aos consumidores.

Gerencie o financeiro de forma única

Uma vez que a empresa esteja com o financeiro em dia, o empreendedor consegue identificar se está tendo o retorno esperado. Também garante que não haverá falta de recursos no caixa para reposição de produtos, por exemplo. E isso inclui contas a pagar e a receber, fluxo de caixa, demais faturas e boletos.

Busque a melhor solução em logística

A logística ainda é um fator preocupante para as empresas que vendem pela internet. De acordo com o estudo feito pela Abcomm, o frete responde por 58% dos gastos, seguidos pela armazenagem (21,5%) e manuseio (20,5%). Em um momento no qual os consumidores têm pressa para a entrega de produtos, é cada vez mais importante escolher parceiros certos e usar a tecnologia a seu favor. Já existem no mercado diversas empresas – além dos Correios – que podem ajudar a melhorar a logística do seu e-commerce. Utilizando o sistema de gestão integrado, como o Bling, é possível ter controle do fluxo logístico do seu negócio, coordenando todas as tarefas de forma organizada e sincronizada, desde a cotação de frete até a distribuição para o consumidor final.

Utilize um ERP para gerenciamento de dados

Gerenciar uma loja em diferentes marketplaces exige muita dedicação. Cadastrar preços, clientes e fornecedores, subir imagens dos produtos, organizar o estoque, além de emitir a nota fiscal das vendas e configurar todas as informações nas diferentes plataformas é uma das partes mais complexas da gestão. Hoje em dia o tempo é muito mais valioso do que era há 10 anos, ao realizar multitarefas manuais ele deixa de ganhar tempo para realizar novas estratégias para o negócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram